quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Crostinis de Figo e Queijo de Cabra


Esta receita foi tirada do blog Petiscos e Miminhos...

Ingredientes
Baguete
Figos frescos
Queijo de cabra
Azeite q.b.

Cortar a baguete em fatias finas, pincelar com um pouco de azeite.
Levar ao forno alto até dourar.
Retirar do forno, virar as fatias de pão (lado tostado para baixo), colocar uma fatia de queijo e uma rodela de figo.
Levar novamente ao forno alto aproximadamente 5 minutos.

domingo, 18 de agosto de 2013

Frango de Caril à Moda da Minha Mana


Ingredientes
2 cebolas cortadas em meia lua
6 dentes de alho picados
2 folhas de louro
2 frangos partido aos bocados
2 c.s. de caril
1 c.s. de pimenta preta
1/2 c.s. de sal
1/2 c. sobremesa de noz-moscada
1 l de leite

Faz-se um refogado com a cebola, o alho e o louro bem puxado. 
Aloura-se o frango. 
Acrescenta-se o caril, a pimenta e o leite. Tapa-se e deixa-se cozer. Tempera-se de sal. 
Quando o frango está cozido, destapa-se, deixa-se apurar, acrescenta-se noz moscada e rectifica-se o tempero.
Foi servido com couscous.

A foto é que não ficou muito boa porque foi tirada com o telemóvel :(

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Triffle de Framboesa


Ingredientes
3 cháv. de framboesas congeladas
1 cháv. de açúcar
1/2 cháv. de água
1 pão-de-ló cortado em fatias finas
3 pacotes de natas
2 c.s. de sopa de açúcar
10 suspiros

Numa panela coloca-se as framboesas, o açúcar e a água e deixa-se cozinhar cerca de 10 minutos, até fazer uma calda. Deixa-se arrefecer.
Batem-se as natas e quando estão quase montadas, junta-se o açúcar batendo-se mais um pouco.
Esfarelam-se os suspiros, grosseiramente.
Coa-se um pouco as framboesas de modo a que se fique com 4 c.s. de pasta de framboesas. 
Num prato coloca-se a calda das framboesas e molha-se as fatias do pão-de-ló, cobre-se o fundo de uma tigela de servir, por cima coloca-se as natas batidas, metade dos suspiros esfarelados e duas colheres das framboesas. 
Faz-se duas camadas, sendo as últimas o resto dos suspiros e as framboesas.
Leva-se ao frigorífico até servir-se.


terça-feira, 30 de julho de 2013

Tarte de Espinafres, Feta e Tomate

Quando vi esta receita no facebook da Mafalda Pinto Leite, Dias com Mafalda, disse logo para mim que tinha de experimentar... adoro as receitas dela por serem práticas, rápidas e saírem sempre bem... hoje resolvi experimentar esta receita, para um almoço muito especial, com pessoas que adoro... só posso dizer que foi a preferida...


Ingredientes
Azeite, para untar
1 embalagem de massa folhada
1 colher de sopa de azeite
1 alho francês, fatiado
1 dente de alho esmagado
1 ramos de tomilho 
1 saco de espinafres bebe
1 embalagem de queijo feta, esfarelado
100 g de tomate cereja, partido ao meio
3 ovos, batidos
1 embalagem de natas frescas
2 colheres de sopa de parmesão ralado

Aqueça o forno a 180º. Pincele uma forma de tarte (base removível  com azeite. Estenda a massa e forre a base e lados da forma – corte em volta massa extra. Coloque no frigorífico por 15 minutos. Retire do frigorífico e coloque no forno por 10 minutos ou ate começar a ganhar cor.

Entretanto aqueça o azeite numa frigideira grande em lume médio  Cozinhe o alho francês  alho e tomilho mexendo por 2 minutos ou ate o alho francês amolecer. Retire o talo do tomilho e deite fora. Espalhe na base da tarte cozinhada.
Cozinhe os espinafres na mesma frigideira, por 1 minuto ou ate começarem a murchar. Transfira para um prato forrado com papel absorvente e esprema o excesso de liquido. Disponha uniformemente por cima do alho francês. Polvilhe com o queijo feta e tomates. Tempere com sal e pimenta.
Bata os ovos, natas e parmesão numa tigela. Regue por cima da tarte. Leve ao forno e asse por 20 minutos ou ate a tarte ficar dourada e firme.

Retire do forno. Deixe arrefecer ligeiramente antes de servir.
Foi servido com uma salada tipo César...

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Cheesecake de Morangos "Russo"

Era para sair uma charlote russa mas virou um cheesecake "russo" e a foto... bem a foto, tem de ser tirada quase sempre à pressa antes que desapareça... hehehe
 
Ingredientes
2 dan-cakes de morango
3 pacotes de natas
1 lata de leite condensado
6 folhas de gelatina
1 embalagem de queijo filadélfia
Doce de morango q.b.
 
Demolha-se em água fria as folhas de gelatina.
Cortam-se os dan-cakes em fatias finas.
Forra-se uma forma de fundo amovível com papel vegetal e depois o fundo com as fatias do dan-cake (deve ter o mesmo número de fatias no fundo e depois em cima.
Batem-se as natas até começarem a endurecer, junta-se o leite condensado e o queijo creme e bate-se mais um pouco.
Espremem-se as folhas de gelatina e derrete-se no micro-ondas. Junta-se uma colher do preparado na tigela onde se derreteu a gelatina, mexe-se bem e envolve-se no preparado de queijo.
Aquece-se ligeiramente o doce de morango, de modo a que fique um pouco fluído e com uma colher espalha-se por cima das fatias, de modo grosseiro, coloca-se metade do preparado de queijo, depois mais umas colheradas de doce. Cobre-se com o resto do preparado de queijo, o resto do doce e por fim cobre-se com as restantes fatias de dan-cake, de modo a cobrir todo o cheesecake.
Leva-se ao frigorífico pleo menos umas 6 horas antes de servir.

domingo, 14 de julho de 2013

Tarte Empada de Frango

Na minha casa os peitos dos frangos são sempre guardados para se fazer outro tipo de comida, como saladas, quiches ou alguma receitas que leve frango desfiado... e para aproveitar o peito que tinhamos resolvi fazer uma tarte-empada diferente para um lanche que já um ritual aos sábados de tarde, após a entrega das sopas...
 
Ingredientes
2 peitos de frango assados
10 folhas manjericão picadas
200 gr de queijo mozzarella ralado
250 ml de molho de tomate
1 gema de ovo
2 massas folhadas

Aquece-se o forno a 180ºC.
Num tabuleiro estende-se uma das massas folhadas, por cima coloca-se, deixando uma beira na massa em toda a volta, metade do molho de tomate e espalha-se, polvilha-se com o manjericão picado, coloca-se os peitos de frango desfiados. Polvilha-se com o queijo ralado e coloca-se o resto do molho de tomate.
Bate-se a gema de ovo e pincela-se à volta da massa, tapa-se com a outra base de massa folhada e fecha-se bem. Pincela-se a tarte-empada com a gema de ovo, faz-se dois furinhos no topo e leva-se ao forno cerca de 20/30 minutos.
 

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Rancho


Ingredientes
1 cebola picada
3 dentes de alho picados
1 lata pequena de tomate pelado picado
1 copo de vinho branco
1 copo de água
2 cenouras picadas
1/4 de repolho picado
500 gr de grão-de-bico demolhado
250 gr de massa macarronete
1 kg de carne de porco e entremeada picadas
1 chouriço
Azeite q.b.
Sal e pimenta q.b.
Massa de pimentão q.b.

Coze-se o grão-de-bico junto com as carnes e chouriço, temperados de sal cerca de 20/30 minutos na panela de pressão.
Num tacho coloca-se a cebola, os alhos e um fio de azeite e cozinha-se até murchar. Junta-se o tomate picado, a massa de pimentão, a cenoura, o repolho, o vinho e a água, e deixa-se cozinhar cerca de 15 minutos.
Junta-se o grão-de-bico, a carne do porco e o chouriço cortado às rodelas junto com parte da água de cozedura e deixa-se cozinhar mais 15 minutos.
Se tiver pouca água, coloca-se mais um pouco da água da cozedura do grão, rectificam-se os temperos e coloca-se os macarronetes. Deixa-se cozinhar mais 10 minutos e apaga-se o lume, deixando-se descansar pelo menos 20 minutos antes de se servir.

segunda-feira, 8 de julho de 2013

Tarte de Coco com Chocolate

Uma tarte para um lanche entre Amigas, tinha de ser rápida e fácil... uma tarte de coco, já que a minha mana não estava e ela não gosta de coco... quando estava a preparar os ingredientes, lembrei-me de uns beijinhos de coco que costumava a comer quando era miúda e que levava chocolate na base... pronto, leva uns quadrados de chocolate partidos no interior... tarte para o forno, tira tarte e... faltava mais qualquer coisa... um creme de chocolate a cobrir a tarte... optimo... e como está calor e calhava bem uma coisinha fresquinha, tarte para o frigorífico... e saiu isto... a foto teve de ser tirada rapidamente antes que desaparecesse...

Ingredientes
1 massa folhada
300 gr de coco ralado
1 lata de leite condensado
2 pacotes de natas
4 ovos
1 tablete de chocolate cortada aos quadrados

Creme de chocolate
1 pacote de natas
1 tablete de chocolate

Pré-aquece-se o forno a 180ºC.
Forra-se uma tarteira com a massa folhada e pica-se com um garfo. Reserva-se.
Numa tigela coloca-se os restantes ingredientes excepto os quadrados de chocolate, mexendo-se bem com uma vara de arames.
Em cima da massa folhada coloca-se o chocolate e rega-se com a mistura do coco.
Leva-se ao forno cerca de 30/40 minutos.
Deixa-se arrefecer a tarte.
Creme: Parte-se o chocolate e coloca-se numa tigela. Aquece-se as natas até começarem a ferver, depois rega-se o chocolate, deixando-se descansar cerca de 5 minutos. Mexe-se bem até derreter bem o chocolate. Deixa-se arrefecer um pouco e cobre-se a tarte que se leva ao frigorífico até à hora de se servir.

terça-feira, 11 de junho de 2013

Bolo de Laranja super-rápido

Já algum tempo que a minha mãe andava-me a pedir um bolo de laranja mas como eu ando com um bocado de preguiça, decidi fazer o bolo meio aldrabado, pois uma Amiga uma vez deu-me uma receita parecida... e não é que ficou muito bom!!!

Ingrediente
2 laranjas com casca lavadas, cortadas ao meio sem pevides e sem o veio branco
2 ovos
1/2 cháv. óleo
1/2 cháv. leite
2 cháv. açúcar
2 cháv. farinha
1 c.c. fermento
2 c.c. bicarbonato


Pré-aquece-se o forno a 180ºC.
Num copo misturador bate-se os ovos, o leite e o óleo. Depois junta-se as laranjas e bate-se bem. Junta-se o açúcar e torna-se a bater.
Numa tigela coloca-se a farinha, o fermento e o bicarbonato e coloca-se a mistura dos ovos com a laranja, mexendo-se bem com uma colher de pau.
Numa forma untada e polvinhada, coloca-se o preparado e leva-se ao forno por cerca de 30 minutos.
Deixa-se arrefecer um pouco desenforma-se.

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Cogumelos Recheados


Ingredientes
4 cogumelos portobello grandes
8 cogumelos paris pequenos
1 chouriço
150 gr de bacon fatiado
1 cebola
4 dentes de alho
Queijo de S. Jorge ralado q.b.
Sal e pimenta q.b.
Salsa picada q.b.
Azeite q.b.

Com um pano molhado limpam-se bem os cogumelos e secam-se bem. Cortam-se os pés dos portobello que se colocam no robot de cozinha, junto com os cogumelos paris, o chouriço cortado aos bocados, o bacon, a cebola e os dentes de alho. Pica-se tudo e junta-se um pouco de azeite, sal, pimenta e salsa picada.
Coloca-se numa frigideira e leva-se ao lume a cozinhar. Rectifica-se os temperos.
Recheiam-se os cogumelos e cobre-se com o queijo ralado. Leva-se ao forno cerca de 20 minutos.
 

domingo, 26 de maio de 2013

Bacalhau Gratinado


Ingredientes
400 gr de bacalhau desfiado demolhado
400 gr de alho francês às rodelas
3 cenouras raspadas
2 cebolas cortadas às meias-luas
6 dentes de alho cortado às tiras
1 pimento vermelho cortado às tiras
1 pimento verde cortado às tiras
Batatas fritas aos cubos q.b.
Azeite q.b.
Sal e pimenta q.b.
Queijo ralado q.b.
Béchamel

Béchamel
1200 ml de leite
4 c.s. manteiga
6 c.s. farinha
Sal, pimenta e alho em pó q.b.
Faz-se o molho béchamel: ferve-se o leite com sal, pimenta e alho em pó.
Num tacho põe-se a manteiga e deixa-se ferver, depois junta-se a farinha e mexe-se com uma vara de arames, deixando-se cozer um pouco mas sem ganhar cor. Depois junta-se o leite quente e continua-se a mexer até ferver uns 3/4 minutos para cozinhar a farinha.
 
Numa panela coloca-se a cebola, o alho, o alho francês, a cenoura e os pimentos, rega-se com um pouco de azeite, tempera-se com um pouco de sal e pimenta e deixa-se cozinhar cerca de 10 minutos. Junta-se o bacalhau e deixa-se cozinhar mais 10 minutos, mexendo de vez enquando. Junta-se o béchamel e as batatas fritas e envolve-se tudo muito bem. Rectificam-se os temperos.
Põe-se num tabuleiro e polvilha-se com o queijo ralado.
Leva-se ao forno a gratinar cerca de 30 minutos.

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Queijadas de Leite

Adoro queijadas de leite e estas são super fáceis de fazer... mas ficaram um pouco para o caramelizado, pois o fogão é novo e ainda não me entendo muito bem com o forno... vamos necessitar de uma conversa séria ;)

Ingredientes
800 gr de açúcar
6 ovos
100 gr de manteiga derretida
1 l de leite
200 gr de farinha
Farinha e manteiga q.b.
 
Bate-se o açúcar com os ovos, depois junta-se a manteiga e o leite e no final junta-se a farinha.
Coloca-se em forminhas untadas e polvilhadas.
Leva-se ao forno por cerca de 30 minutos.
Deixa-se arrefecer antes de se desenformar.

domingo, 19 de maio de 2013

Perfection pound cake: mais um desafio da Dorie às sextas

Mais um desafio do grupo Dorie às Sextas, um "bolim" simples... na minha perspectiva e para quem está habituada às sobremesas da Dorie, simples demais... mas saboroso...
 
Ingredientes
2 chávenas de farinha de trigo (ou 2 1/4 chávenas de farinha com fermento)
1 colher de chá de fermento em pó
1/4 colher de chá de sal
226g de manteiga sem sal, temperatura ambiente
1 chávena de açúcar
4 ovos grandes, temperatura ambiente
1 colher de chá de extracto de baunilha

Pré-aquece-se o forno a 175ºC.
Barra-se uma forma de bolo com manteiga (22x12cm).
Mistura-se a farinha, o fermento e o sal.
Numa batedeira, de preferência equipada com uma pá bate-se a manteiga e o açúcar em velocidade alta até obter um creme fofo (5 minutos).
Raspa-se a tigela e reduz-se a velocidade da batedeira para médio. Adiciona-se os ovos, um de cada vez, batendo por 1 a 2 minutos após cada adição.
Mistura-se o extracto de baunilha. Reduz-se a velocidade da batedeira para o mínimo e adiciona-se a farinha, misturando apenas até que esteja incorporada (ou incorporar à mão, com uma espátula).
Deita-se a massa na forma e alisa-se a superfície. Coloca-se o bolo no forno e verifica-se após 45 minutos. Se dourar muito rapidamente, cobre-se com uma folha de alumínio.
O bolo está pronto quando uma faca fina inserida no centro sai limpa. Retira-se o bolo do forno, transfere-se para uma grelha e deixa-se descansar por 30 minutos.
Armazenamento: Bem embrulhado, o bolo vai manter-se por 5 a 7 dias à temperatura ambiente ou até 2 meses no congelador.

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Cheesecake


Ingredientes
1 1/2 pacote de bolachas moídas
125 gr de manteiga derretida
3 pacotes de natas frias
5 c.s. açúcar
1 embalagem de queijo "fromage frais" ou 1 1/2 embalagens de queijo-creme
5 folhas de gelatina
Doce à escolha (usei frutos do bosque)
 
Numa tigela junta-se as bolachas moídas com a manteiga derretida e mistura-se. Forra-se o fundo de uma forma de aro amovível e leva-se ao frigorífico.
Demolha-se durante 5 minutos, em água fria, as folhas da gelatina. Após este tempo, espremem-se e derretem-se, deixando arrefecer um pouco.
Batem-se as natas com o açúcar até montarem, depois junta-se o queijo, batendo-se mais um pouco. Junta-se a gelatina derretida, envolvendo-se muito bem.
Põe-se em cima da base de bolacha e torna-se a levar ao frigorífico. Passado 2/3 horas, cobre-se com o doce que se quiser e torna-se a levar o frigorífico até à hora de servir, desenformando-se na altura. Pode-se cobrir com fruta.
 

domingo, 12 de maio de 2013

Tarte de Chocolate Super-Rápida

Já fiz várias vezes esta receita, foi baseada numa receita dos potes de chocolate da Nigella mas nunca consegui tirar foto porque quando me lembro só resta os miolinhos... desta vez fui mais rápida do que as comilonas de serviço... hehehe

Ingredientes
300 gr de bolachas de chocolate moídas (usei mulatas)
150 gr de manteiga derretida
2 pacotes de natas
2 tabletes de chocolate
2 c.c. de essência de baunilha
2 c.s. de café
2 ovos

Mistura-se as bolachas moídas com a manteiga derretida e mistura-se bem. Forra-se uma tarteira de fundo amovível e leva-se ao frigorífico.
Aquece-se as natas até começarem a ferver e apaga-se.
Num robot de cozinha, coloca-se o chocolate picado e coloca-se as natas quentes por cima. Deixa-se descansar cerca de 2 minutos. Junta-se a baunilha e o café. Bate-se e junta-se os ovos, batendo sempre.
Coloca-se o preparado em cima da base das bolachas e leva-se ao frigorífico por uma 3 horas mas pode-se levar ao congelador cerca de 45 minutos.

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Semifrio de Caramelo e Chocolate

Quem gosta de cozinhar e vê uma comida quer seja "ao vivo e a cores" quer seja por foto, começa logo a imaginar o que leva e como se faz... esta receita foi assim, dei de caras com uma foto que tinha uma sobremesa mais ou menos assim e eu lá tratei de inventar a receita... e saiu uma coisa deste género...

Ingredientes
3 pacotes natas frios
1 c.s. açúcar
4 folhas de gelatinas demolhadas e derretidas em 3 c.s. de natas
1 base de bolo de chocolate (receita daqui)
Maltesers Brancos q.b.
Maltesers Castanhos q.b.
Caramelos q.b.
Molho de caramelo
Molho de chocolate

Molho de caramelo
1 cháv. de açúcar
1/2 cháv. de água
1 c.s. de manteiga
100 ml de natas

Molho de chocolate
1 tablete de chocolate
1 pacote de natas

Faz-se o molho de caramelo, num tacho coloca-se o açúcar com a água e deixa-se ferver até ficar em caramelo. Quando estiver na cor que se deseja, tira-se do lume e junta-se a manteiga, mexendo bem até que ela derreta totalmente. Junta-se as natas e mexe-se com cuidado até envolver bem. Deixa-se arrefecer.
 
Molho de chocolate
Num tacho leva-se as natas a ferver, apaga-se o lume e coloca-se dentro o chocolate picado. Deixa-se descansar 5 minutos e depois mexe-se bem.
 
Montagem
Bate-se as natas com o açúcar e depois junta-se a gelatina derretida.
Num prato de servir coloca-se a base do bolo e com o aro da forma que se fez o bolo, fecha-se. Rega-se com metade do caramelo e com metade do creme de chocolate. Distribui-se alguns maltesers e alguns caramelos picados.
Coloca-se as natas batidas, por cima o caramelo e o creme de chocolate e enfeita-se com maltesers brancos e maltesers castanhos e caramelos picados.
Leva-se ao frigorífico de um dia para o outro.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Salt and Pepper Cocoa Shortbread

Mais um desafio da Dorie`s às sexta e mais uma vez... bolachassssssss!!! Ficaram uma maravilha que até a minha Shanti quis provar!!!
 
Ingredientes
1 1/2 cháv. de farinha de trigo
1/2 cháv. de cacau em pó sem açúcar
228g de manteiga sem sal, em temperatura ambiente
2/3 cháv. de açúcar em pó
1/2 c.c. de flor de sal
1/4 c.c. de pimenta preta
1 c.c. de extracto de baunilha
1 gema de ovo grande

Peneira-se a farinha e o cacau. Reserva-se.
Bate-se a manteiga numa velocidade lenta até ficar homogénea; adiciona-se o açúcar até que estejam completamente misturados.
Acrescenta-se a gema de ovo, o sal, a pimenta e a baunilha; bater até ligar. Adiciona-se a farinha e o cacau em 3 adições, batendo devagar só até combinar. Retira-se a massa da batedeira e trabalhá-la numa bancada; divide-se ao meio, faz-se 2 rolos, embrulha-se em celofane e leva-se ao frigorífico por 4 horas (aguentam 4 dias assim no frigorífico).
Pré-aquece-se o forno a 180 graus.
Corta-se os rolos em rodelas, aproximadamente 24.
Leva-se ao forno por 14-16 minutos, virando-se o tabuleiro de posição aos 7 minutos.
Deixar arrefece-se um minuto nos tabuleiros quentes antes de mudar para as grelhas, para arrefecerem.

sábado, 4 de maio de 2013

Arroz de Pato

 

Ingredientes
1 pato
1 chouriço
400 gr de bacon inteiro
1 cebola cortada em 4
4 dentes de alho
300 gr de arroz
Azeite q.b.
Sal q.b.

Num tacho junta-se o pato, o chouriço, o bacon, a cebola e o alho. Tempera-se de sal e leva-se a cozer cerca de uma hora, até o pato estar macio.
Deixa-se arrefecer e desfia-se o pato, limpo de peles e ossos. Corta-se o chouriço e o bacon às fatias.
Coa-se o caldo da cozedura.
Num tacho coloca-se azeite, deixa-se aquecer e acrescenta-se o arroz. Deixa-se fritar mexendo sempre. Quando tiver translúcido, junta-se o dobro de água. Deixa-se ferver tapado por 5 minutos e apaga-se o lume.
Num tabuleiro, coloca-se metade do arroz e espalha-se. Cobre-se com o pato desfiado e com o restante arroz cozido, tapa-se bem o pato.
Enfeita-se com o chouriço e o bacon.
Leva-se ao forno para dourar.
 

sábado, 20 de abril de 2013

Bolo de Bolacha


Ingredientes
250 gr de manteiga
250 gr de açúcar em pó
2 cafés curtos fortes
400 gr de bolachas-marias
4 c.s. café puro solúvel
200 ml água quente

Bate-se cerca de 15 minutos, a manteiga à temperatura ambiente com o açúcar em pó e os dois cafés fortes.
À parte junta-se o café solúvel com a água quente e coloca-se num prato fundo.
Molha-se as bolachas no café que fizemos e  num prato de servir com uma bolacha ao meio e seis à volta, entre cada camada de bolacha, barra-se com o creme de manteiga e café, faz-se as camadas que se quiser e no final barra-se o topo e a lateral do bolo.
Leva-se ao frigorífico até servir.
 

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Tarte de Bacalhau com Espinafres


Ingredientes
400 gr de bacalhau desfiado demolhado
2 alho franceses cortados às rodelas
400 gr de espinafres em folha congelados
1 cebola picada
4 alhos picados
2 c.s. de farinha
2 embalagens de massa folhada fresca
1 gema de ovo para pincelar
Azeite q.b.
Sal e pimenta q.b.

Numa frigideira grande coloca-se o alho francês, a cebola, os dentes de alho e um fio de azeite e deixa-se murchar um pouco. Depois junta-se o bacalhau demolhado e escorrido, mexe-se e deixa-se cozinhar cerca de 5 minutos. Tempera-se de sal e pimenta e junta-se os espinafres. Deixa-se cozinhar cerca de 10 minutos. Junta-se a farinha e mexe-se bem, cozinhando mais um pouco. Se ficar muito grosso, coloca-se um pouco de água. Rectificam-se os temperos. E deixa-se arrefecer.
Desenrola-se uma das massa e coloca-se o preparado de espinafres com o bacalhau ao centro, de modo a que fique em toda a volta da massa sem nada. Pincela-se com a gema de ovo batida com uma colher de sopa de água e cobre-se com a outra massa folhada. Fecha-se fazendo uma pequena dobra. Pincela-se com o restante ovo e leva-se ao forno a 180ºC por cerca de 30 minutos, até alourar.
Pode-se servir quente ou frio.
Acompanhei com salada

domingo, 7 de abril de 2013

"... nada se perde, e tudo se transforma." - Queijadas de Carne

Na minha vida tenho um lema um pouco baseado numa das leis de Lavoisier "... nada se perde, e tudo se transforma."... ao género de "o lixo de uns é o tesouro de outros." por isso raramente ponho coisas para o lixo, pergunto sempre se alguém quer e/ou dou a instituições que conseguem aproveitar para fazer outras coisas e ajudar outras pessoas. O mesmo se aplica na cozinha, principalmente na cozinha, para colocar alguma coisa no lixo só mesmo se azedou, o que acontece poucas vezes, apesar do cuidado, e se algum produto começa a ficar podre, aproveita-se a parte sã... todos os dias vemos milhões de pessoas a passar fome, coisa que não consigo tolerar visto que todos os anos vão para o lixo milhões de toneladas de comida comestível. O mesmo se passa na maioria das casas portuguesas que, no dia a dia, deitam fora toneladas de comida boa e que se calhar duas casas acima tem pessoas a passarem fome. 
Aqui na minha casa, na minha cozinha, tudo se aproveita um resto de arroz pode virar um empadão, uns croquetes, fazer-se um salteado com legumes ou sobras de carne ou peixe, pode servir de acompanhamento de outra refeição, quando me sobra carne, frango ou peixe, eu simplesmente congelo, tenho um saco no congelador em que ponho todos os restinhos de carne, frango, chouriço que sobraram de algumas refeições, o mesmo se aplica ao peixe, tenho um saquinho que guardo as sobras que depois servem para fazer uma outra refeição.
Tinha congelado uns restos de carne estufada, cozida e/ou assada e 2 chouriços e ao fazer limpeza no congelador tirei para fazer um quiche de carne para um almoço mas ao ver que tinham mais que suficiente para outra refeição, guardei no frigorífico para fazer um lanche para o dia seguinte, uma pizza enrolada de carne. E assim nasceu estas queijadas de carne, pois deu para a pizza como ainda deu para fazer uma dúzia de queijadas que acompanhadas com sobras de arroz de legumes guardadas de um almoço e uns legumes salteados serviram de refeição

Ingredientes
Sobras de carne assada e/ou estufada ou cozida
2 chouriços cozidos
2 pacotes de natas
4 ovos
1 embalagem de queijo ralado
Pão ralado q.b.
Oregãos e pimenta q.b.

Pica-se a carne e os chouriços e colocam-se numa tigela grande, junta-se os restantes ingredientes e mexe-se bem até ficar tudo bem envolvido.
Unta-se as formas das queijadas e polvilham-se com pão ralado, enche-se com o preparado e leva-se ao forno a assar 30 minutos.
Deixam-se arrefecer antes de se desenformar.

P.S- Estas queijadas são óptimas para festas e piqueniques.

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Quiche de Bacalhau

As sobras de bacalhau cozido serviram de mote para este quiche...

Ingredientes
Sobras de bacalhau cozido, limpo e lascado
2 cebolas cortadas às meia-luas
2 dentes de alho picados
3 pacotes de natas
4 ovos
1/2 pimentão vermelho cortado às tiras
1/2 pimentão verde cortado às tiras
1/2 c.c. gengibre em pó
1/2 c.c. noz-moscada
1/2 c.c. caril
1/2 c.c. pimenta preta
1/2 c.c. paprika
1/2 c.c. piripiri moído
1 dl azeite
Sal q.b.

Numa frigideira coloca-se a cebola, o alho, os pimentos, o azeite e os temperos e deixa-se cozinhar até a cebola murchar. Junta-se o bacalhau e mexe-se bem. A seguir coloca-se 2 pacotes de natas, mexe-se e deixa-se ferver. Apaga-se o lume e deixa-se arrefecer um pouco.
À parte bate-se os ovos com as restantes natas e envolve-se na mistura do bacalhau.
Forra-se uma forma de aro amovível e verte-se o preparado do bacalhau. Leva-se ao forno a 180ºC cerca de 30/40 minutos até alourar.
Serve-se com uma saladinha...

domingo, 31 de março de 2013

Uma Doce e Santa Páscoa...

Para mim a Páscoa é sinónimo de Reflexão, de Renovação, de Ressureição  e de Amor incondicional... de Reflexão porque temos que reflectir, de estabelecer prioridades e saber o que é realmente importante nas nossas vidas; de Renovação porque a vida é uma constante renovação em que não podemos ficar agarrados ao passado e a tudo o que nos faz mal; de Ressurreição porque todos nós morremos um pouco todos os dias, ao abandonarmos sonhos, desejos e ambições... e temos de renascer, sonhar novos sonhos, traçar novos objectivos e caminhos, temos de arranjar forças para nos reerguer face às "quedas que damos"; e de Amor... Amor por nós e pelo próximo... qual é o maior acto de Amor do que dar a vida pelo outro, tal como Jesus Cristo fez... não digo dar a vida literalmente, mas muitas das vezes temos de abandonar as nossas vidas, sonhos e desejos em prol de quem nos é querido...
Fiz este bolo, um ninho de Páscoa, com muito Amor e Carinho para uma pessoa muito especial que adoro... feito com bolo de chocolate, Recheado com doce de leite, Coberto com creme de chocolate, Enfeitado com ovinhos de: Africanas, Popcakes com amêndoas coberto com chocolate negro e Popcakes com arroz tufado com chocolate branco. Depois posto as receitas que faltam...
 
Faz-se o bolo de chocolate de maneira a que fique alto, ou seja, uma receita na mesma forma sem buraco. Depois de frio, coloca-se no prato de servir e com uma faca corta-se o meio em forma de círculo, tirando-se a tampa e escavando um pouco com uma colher de modo a que fique tipo uma "piscina". Recheia-se com o doce de leite. Cobre-se com o creme de chocolate frio (1 pacote de natas para 1 tablete e meia de chocolate), cobrindo com cuidado o doce de leite de modo a que não se veja o mesmo. Com chocolate branco derretido e frio, faz-se uns desenhos como se fossem as palinhas do ninho. Quando a cobertura estiver mais dura, colocam-se os ovinhos que se quiser!!! Enfeitei com uns pintaínhos...

domingo, 24 de março de 2013

Cheesecake de Oreos

No desenrolar de uma brincadeira, uma gulosa disse  que "um bolinho de bolacha oreo é que era o mais adequado... pelo menos não se notava a fuligem..." e eu que sou uma petxena bem educada e que já andava há algum tempo de olho num cheesecake de oreos, fiz-lhe a vontade... (a foto é que não ficou grande coisa porque foi tirada à pressa com o telemóvel antes que desaparecesse!!!)
 
Ingredientes
4 pacotes de natas (3 frias para bater e 1 natural para derreter o chocolate)
3/4 lata de leite condensado
2 embalagens de queijo "philadelphia"
1 tablete de chocolate
10 folhas de gelatina
3 pacotes de bolachas oreos
1/2 pacote de manteiga derretida
2 pacote de mini-bolachas oreos
 
Colocam-se as folhas da gelatina, de molho, num recipiente com água fria.
Abrem-se as bolachas oreos e raspa-se o creme e reserva-se. Ralam-se as bolachas e reserva-se 1/3 das migalhas. As restantes junta-se a manteiga e mistura-se até ficar com a consistência de areia molhada. Forra-se o fundo de uma tarteira de fundo amovível com a mistura de bolacha e leva-se ao frigorífico.
Num tacho coloca-se 1 pacote de natas e leva-se ao lume até ferver. Apaga-se o lume e colocam-se as folhas de gelatina demolhadas e espremidas, mexendo um pouco até derreterem. Junta-se o chocolate partido e deixa-se descansar 5 minutos. Passado este tempo, mexe-se bem até o chocolate derreter completamente e deixa-se arrefecer um pouco.
Batem-se os 3 pacotes de natas com o leite condensado, até começar a engrossar. Junta-se o creme das bolachas, batendo sempre e, depois o queijo. quando estiver tudo envolvido, junta-se o chocolate derretido. Bate-se mais um pouco e coloca-se por cima da base da bolacha.  Põe-se dentro as mini-bolachas oreos que com um palito, empuram-se de modo a que fiquem escondidas. Leva-se ao frigorífico no mínimo 4 horas.
Cobre-se com a bolacha ralada que se reservou.
 
 

domingo, 17 de março de 2013

Novo desafio da Dorie: French yogurt cake with marmalade glaze

Mais um desafio a não perder, até porque o tempo frio e chuvoso pede um forno aceso onde o calor se espalha pela cozinha, aquecendo um pouco os nossos corpos e pensamentos enregelados... e o cheiro inebriante de um bolo acabado de fazer invade a casa num aconchegante abraço... a receita escolhida para esta quinzena foi o "French yogurt cake with marmalade glaze" como se diz na minha terra um "bolim" francês de iogurte com cobertura de marmelada...
Só posso dizer que é um bolo super simples e rápido de fazer com um sabor divinal... definitivamente, uma receita para repetir...

Bolo
140g de farinha de trigo
50g de farinha de amêndoa
2 colheres (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal
200g de açúcar
raspas da casca de 1 limão
1 iogurte natural
3 ovos grandes
½ colher (chá) de extracto de baunilha
120ml de óleo

Cobertura
½ chávena de compota de laranja
1 colher (chá) de água
Pré-aquecer o forno a 180°C. Untar generosamente com manteiga uma forma de bolo inglês de 21x11xcm.
Na batedeira, misturar a farinha de trigo, a farinha de amêndoa, o fermento e o sal. Noutra tigela, juntar o açúcar e as raspas de limão, esfregando os ingredientes com as pontas dos dedos até o açúcar ficar perfumado.
Juntar o iogurte, os ovos e a baunilha e bater vigorosamente com o batedor de arame até obter uma mistura homogénea. Junte os ingredientes secos. Agora, com uma espátula de silicone, incorporar o óleo.
Transferir para a forma e levar ao forno até que o bolo cresça, doure e comece a soltar-se da forma, aproximadamente 50 minutos.
Arrefece sobre uma grade por 5 minutos antes de desenformar. Deixar arrefecer completamente.
Calda: juntar a compota de laranja e a água num tacho e levar a lume médio, mexendo, até derreter. Pincelar a calda ainda quente sobre o bolo. Deixar arrefecer antes de servir.

quinta-feira, 14 de março de 2013

Bolachas de Coco com Chocolate


Ingredientes
350 gr de farinha
150 gr de açúcar
100 gr de coco
100 gr de chocolate granulado
250 gr de manteiga
2 ovos

Mistura-se a farinha, o açúcar e o coco e faz-se um buraco ao meio. Coloca-se os 2 ovos e a manteiga cortada aos cubos, depois amassa-se bem. Junta-se o chocolate granulado e torna-se amassar até o chocolate ficar bem distribuido.
Faz-se 2 cilindros, enrola-se em película aderente e leva-se ao frigorífico cerca de 1 hora.
Pré-aquece-se o forno a 180ºC.
Corta-se os cilindros às rodelas e leva-se ao forno, num tabuleiro forrado com papel vegetal, durante 12/15 minutos.
Tira-se e coloca-se numa grade para arrefecer.

segunda-feira, 11 de março de 2013

Frango Panado

Em resultado da sopa de chinesa que fiz, aproveitei o frango para o fazer panado, que é uma comida que gostamos, mas o problema é como o "bicho" precisa de cozinhar bem, costuma levar muito tempo a fritar e desta forma, como ele foi previamente cozido, é demora o tempo de dourar e secar a crosta... para além de que, o interior fica húmido e com um sabor delícioso.
 
Ingredientes
Frango já cozido inteiro e depois partido do tamanho que se quiser
Pão ralado q.b.
Salsa seca q.b.
Alho em pó q.b.
Sal e pimenta q.b.
Farinha de trigo q.b.
3 ovos batidos
 
Coloca-se a farinha num prato fundo, os ovos batidos noutro e o pão ralado com os temperos num terceiro.
Passa-se o frango primeiro na farinha, depois nos ovos e por fim no pão ralado.
Leva-se a fritar em óleo quente até a crosta ficar bem douradinha, o que demora pouco tempo. Escorre-se em papel de cozinha e depois serve-se acompanhado com o que se quiser.
Servi acompanhado com batatas fritas e com salada de milho, rebentos de soja e pepinos em pickles.

quinta-feira, 7 de março de 2013

Um frango, duas refeições...

"Um frango para cozinhar mas não o quero comer da mesma maneira, ou é assado, ou grelhado... deixa-me pensar o que posso fazer... hummm... acho que vou fazer frango panado e uma canja, mas porquê uma canja com uma infindável lista de sopas que se pode fazer com frango? E que tal experimentar fazer uma sopa chinesa? Parece uma boa ideia, vou experimentar, o pior é se eu gostar... mas não tem problema que a minha mãe come, pois não é esquisita como eu..."
E é assim que muitas das vezes resolvo a ementa cá de casa, umas vezes em pensamento, outras vezes a falar comigo mesma ou com a Shanti!!!
 
 
Ingredientes
1 frango arranjado e limpo
1 estrela de anis
5 dentes de alho com casca
5 cravinhos
1 pau de canela
2 folhas de louro
1 c.c. de gengibre em pó
Sal e Pimenta q.b.
 
Sopa Chinesa
Mistura de legumes chineses q.b.
Noodles q.b.
Molho de Soja q.b.
 
Numa panela colocam-se todos os ingredientes e leva-se a cozer cerca de 30 minutos.
Deixa-se descansar um pouco no caldo quente. Tira-se e parte-se o frango, pernas, coxas, asas e reserva-se (para o frango panado).
Corta-se o peito em fatias finas e reserva-se para a sopa.
Coa-se o caldo e torna-se a colocar na panela. Levanta-se fervura e coloca-se mistura de legumes chineses. Deixa-se levantar fervura e cozer por 5 minutos e apaga-se o lume.
À parte leva-se água a ferver com sal, colocam-se os noodles e deixa-se cozer 3 minutos. Tiram-se a passa-se por água fria para parar a cozedura.
Numa tigela coloca-se alguns noodles, fatias de frango, os legumes chineses mais um pouco de frango e caldo.
Tempera-se com molho de soja a gosto.

P.S- a receita do frango será para outro dia!!!

terça-feira, 5 de março de 2013

Pizza de Carne à Carbonara

Sobras de carne estufada no frigorífico e a vontade de comer pizza, levaram-me a fazer um pizza tipo carbonara...
 
Ingredientes
1 base de pizza
1 pacote de natas
300 gr de queijo ralado
Carne estufada q.b.
Orégãos q.b.
 
Estende-se a base da pizza (sim, é congelada porque para um desenrasque serve muito bem), coloca-se metade do queijo ralado, rega-se com metade do pacote de natas. Desfia-se a carne e coloca-se em cima, distribuindo bem, coloca-se o resto do queijo ralado e rega-se com as restantes natas. Polvilha-se com os orégãos.
Leva-se a forno quente a 180ºC cerca de 20/30 minutos.
 

sábado, 2 de março de 2013

Areias de Cascais

Quem me conhece sabe que eu adoro bolachas, que sou tipo o monstro das bolachas... mas adoro bolachas caseiras porque gosto de saber o que estou a comer... quando olhamos para um pacote de bolachas vemos aqueles ingredientes esquisitos com nomes que não sabes pronunciar e com aqueles "E" qualquer coisa, conservantes e todas aquelas porcarias que devemos evitar... eu não preciso de bolachas que tenham anos de validade, até porque um pacote depois de aberto não dura mais do que 2 ou 3 dias... mas a realidade é que gosto de cozinhar e de experimentar receitas, sei bem que para a maioria das pessoas, dá mais jeito ir a um supermercado e comprar as ditas cujas em vez de "irem para a cozinha sujarem alguidares e tabuleiros e gastar gás" como dizem algumas das minhas Amigas enquanto enchem a boca com as minhas bolachas caseiras...
Mas estas bolachas foram feitas com uma finalidade, é que eu no natal faço sempre bolachinhas para oferecer às minhas Amigas e Amigos e também para mandar para as minhas irmãs, mas como neste natal eu fiz mesmo em cima da data não mandei para as minhas sisters, principalmente a mais velha, e como lhe tinha prometido que quando a minha sobrinha fosse de lá de férias, mandava-as e como o "prometido é de vidro" (brincadeira, o prometido é devido) lá fiz estas "bichinhas" umas já estão publicadas mas duas são novas, uma é muito conhecida, que é o caso desta receita, e uma inventada/adaptada.
 
Bolachas em formato de cruz, e no sentido dos ponteiros do relógio: em cima, Bolachas de Gengibre; à direita, World Peace Cookies; em baixo, Bolachas de Chocolate e Aveia; à esquerda, Bolachas de Coco e Chocolate (a publicar); as bolinhas brancas, Areias de Cascais e as outras, Granola Grabbers.
 
Ingredientes
300 gr de farinha
200 gr de manteiga
100 gr de açúcar
Açúcar para polvilhar q.b.

Pré-aquece-se o forno a 180ºC.
No robot de cozinha coloca-se a farinha e o açúcar, junta-se a manteiga cortada aos cubos e pulsa-se até ficar com aspecto granulado. Depois faz-se uma bola.
Depois, com cuidado pois a massa esfarela facilmente, faz-se bolinhas.
Leva-se ao forno, num tabuleiro forrado com papel vegetal, durante 12/15 minutos (ficam brancas apesar de cozidas).
Tira-se do forno e passa-se por açúcar, depois coloca-se numa grade para arrefecer.

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Mercado Gourmet Campo Pequeno 2013



Não percas a 2ª edição do Mercado Gourmet, que vai realizar-se na arena do Campo Pequeno nos dias 8, 9 e 10 de Março, das 11 às 21 horas e em que a entrada é gratuita.
É um mercado em que todos os produtos presentes são de origem exclusivamente portuguesa ou manufacturados no nosso país: Azeite – Patês – Queijos – Charcutaria – Vinhos e Licores – Chocolate –Compotas – Mel – Ervas aromáticas – Biológico – Conservas – Condimentos – Pão – Doçaria –Infusões
Os objectivos desta iniciativa são:
- Contribuir para a divulgação, estimulo e sustentabilidade de micro actividades produtivas nacionais, de elevadíssima qualidade, que pela sua reduzida dimensão dificilmente chegam ao conhecimento do grande público. Muitas destas actividades são construídas com admirável persistência, paixão e engenho, nas mais variadas vertentes, constituindo notáveis exemplos de inovação e criatividade nacionais.
- Sensibilizar o público para a aquisição de produtos portugueses, estimulando actividades da nossa micro economia, a preços justos e vantajosos.
Não percas esta oportunidade!!!


segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Lombo Recheado com Bacon, Alheira e Queijo

A receita que tinha em mente não era esta, queria rechear o lombo com espinafres e alheira mas como não tinha espinafres em casa e nos dois mini-mercados das redondezas também não e como não tive "pachorra" para ir para mais longe, lá fiz umas modificações e a receita ficou uma maravilha!!!
 
Ingredientes
1 kg de lombo aberto
1 alheira
10 triângulos de queijo fundido
1 cebola cortada às meias-luas
6 dentes de alhos laminados
1 copo de vinho branco
1 copo de água
Azeite q.b.
Sal e pimenta q.b.
Bacon fatiado q.b.
 
Tira-se a pele à alheira e corta-se no sentido do comprimento.
Abre-se o lombo e tempera-se o lado que vai ficar de fora com sal e pimenta (pondo muito pouco sal por os enchidos já são temperados), o outro lado cobre-se  com algumas fatias de bacon. Coloca-se 5 triângulos de queijo em fila, ao lado uma das metades da alheira, mais uma fila de queijo e a restante alheira, enrola-se o lombo e aperta-se bem, cobre-se com mais bacon e amarra-se com fio próprio de culinária.
Num pirex, faz-se uma com a cebola e os alhos, polvilhando-se com um pouco de pimenta. Rega-se com o vinho e a água e um fio de azeite, coloca-se o lombo em cima e tapa-se com papel de alumínio, levando ao forno a 180ºC por cerca de 40 minutos.
Destapa-se e deixa-se cozinhar por mais 20 minutos de modo a alourar o bacon, regando com o molho.
Para acompanhar, fritei umas batatas cortadas em palitos grossos e coloquei-as no molho do lombo, deixando apurar o sabor.
Servi com ervilhas cozidas.
 

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Morangos Solidários

Uma receita inventada com ingredientes que tinha em casa para ser uma coisa diferente, fácil, rápida e muito gostosa...
 
Ingredientes
Morangos, de preferência grandes
Leite condensado cozido q.b.
Chocolate derretido em banho-maria, q.b. (usei branco)
Toppings a gosto
 
Lavam-se bem os morangos que depois secam-se com papel de cozinha. Cortam-se os pêndulos dos morangos e "escava-se" um buraco de modo a que não golpeie a parte de fora.
Com uma colher pequena rechea-se os morangos com o leite condensado cozido e depois com o chocolate derretido, cobre-se a parte de cima, de modo a cobrir o recheio. Enfeitam-se com os toppings que se quiser.
Colocam-se num prato fundo com arroz crú, ou outra coisa que permitam aos morangos ficarem de pé.
Levam-se ao frigorífico para que o chocolate solidifique.

domingo, 17 de fevereiro de 2013

World Peace Cookies


Mais um desafio do grupo Dorie`s à Sexta e como são bolachassssssss, não podia deixar passar... nham-nham... fiquei apaixonada por estas bolachas... Meu Deus, são MA-RA-VI-LHO-SAS!!!

 
1 1/4 medidas de farinha (aprox. 156g)
1/3 medida de cacau (aprox. 29g)
1/2 colher chá de bicarbonato de sódio
156g manteiga sem sal, à temperatura ambiente
2/3 medida de açúcar amarelo (aprox. 133g)
1/4 medida de açúcar branco (aprox. 67g)
1/2 colher de chá de flor de sal (ou 1/4 de sal refinado)
1 colher chá de extracto de baunilha
140g de chocolate meio amargo, cortado em pedaços pequenos

Peneire a farinha, o cacau e o bicarbonato de sódio juntos.
Com uma batedeira, de preferência com uma pá, bata a manteiga até que esteja macia e cremosa. Adicione os açúcares, o sal e o extracto de baunilha e bata por mais 2 minutos.
Desligue a batedeira. Acrescente os ingredientes secos, tape a vasilha da batedeira com um pano e ligue-a em pulsos curtos (aprox. 5), de 1-2 segundos cada. Espreite – se ainda houver muita farinha à superfície da massa, pulse mais duas vezes; se não, retire o pano. Continue a bater em velocidade baixa, por aprox. 30s, até que a farinha desapareça na massa - para a textura ideal, a massa deve ser manipulada o menos possível, após adição da farinha. Não se preocupe se a massa parecer pouco coesa. Acrescente os pedaços de chocolate e mexa o suficiente para os incorporar.
Despeje a massa numa superfície, junte-a e divida-a em duas partes. Trabalhando com uma parte de cada vez, molde a massa em troncos de 3,8cm de diâmetro. Enrole-os em película aderente e leve ao frigorífico por, pelo menos, 3 horas (a massa pode ser refrigerada até 3 dias ou congelada até 2 meses; se a congelar, não precisa de descongelar antes de assar - basta cortar às fatias e acrescentar 1 minuto ao tempo de cozedura).
Pré-aqueça o forno a 160ºC. Forre duas assadeiras com papel vegetal ou tapetes de silicone. Com uma faca afiada, corte os troncos em rodelas de 1,3cm de espessura (é normal que as rodelas rachem ao cortar - não se preocupe, simplesmente cole os pedaços dos cookies na assadeira). Disponha as rodelas nos tabuleiros, com 3cm de espaço entre eles.
Asse os cookies um tabuleiro de cada vez, por 12 minutos – não vão parecer prontos nem vão estar firmes, mas é mesmo assim. Transfira o tabuleiro para uma grade e deixe os cookies arrefecerem até estarem mornos – nesse momento pode servi-los ou transferi-los para uma grade para arrefecerem completamente.

sábado, 16 de fevereiro de 2013

Bolas de Carne Recheadas com Ovo

Era para ser um rolo de carne mas acabou por se transformar numas bolas, de modo a que ficassem diferentes e fosse servido em doses individuais.

Ingredientes
500 gr de carne moída
4 ovos
1 chávena de pão ralado
1 sopa de cebola
Alho em pó q.b.
Salsa q.b.
Ketchup q.b.
6 ovos cozidos

Numa tigela junta-se a carne, os ovos inteiros, o pão ralado, a sopa de cebola, o alho em pó e a salsa, e envolve-se bem.
Separa-se a carne em 6 montinhos e faz-se 6 bolas, colocando um ovo cozido em cada uma delas, fechando-as bem.
Pincelam-se as bolos com ketchup e embrulham-se em papel de alumínio, levando ao forno cerca de 40 minutos.
Serviu-se com batatas coriscas e salada de alface.

Batatas Coriscas
2 cebolas cortadas em meia-luas
6 dentes de alhos cortados às tiras
8 batatas médias cortadas aos cubos
Alho em pó q.b.
Sal e pimenta preta q.b.
Azeite q.b.
2 c.s. de massa de pimentão
2 c.s. de pimenta da terra
4 c.s. de polpa de tomate
1 copo de vinho branco

Num tacho coloca-se a cebola, os alhos e o azeite, tempera-se com um pouco de sal, pimenta e alho em pó, levando-se ao lume até murcharem. Juntam-se os temperos e o vinho e deixa-se cozinhar em lume brando enquanto fritam-se as batatas.
Depois de fritas, escorrem-se e juntam-se as batatas ao molho. Envolve-se bem e deixa-se ferver uns 5 minutos.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Costeletas Tropicais com Arroz de Cenoura


Ingredientes
4 costeletas do cachaço
4 rodelas de ananás
4 fatias de queijo um pouco grossas
4 fatias de fiambre um pouco grossas
1 copo de vinho branco
1 c.s. massa de pimentão
1 c.s. pimenta da terra
4 dentes de alho picados

Faz-se um vinha d`alhos com o vinho, massa de pimentão, pimenta da terra e os alhos picados e temperam-se as costoletas.
Num tabuleiro colocam-se as costeletas escorridas e em cima de cada uma coloca-se uma fatia de queijo, uma de fiambre e uma de ananás. Coloca-se a vinha d`alhos à volta.
Tapa-se com papel de alumínio e leva-se ao forno 30 minutos tapado. Destapa-se e deixa-se assar mais 20 minutos até dourar.
 
Arroz
1 copo de arroz
2 copos de água a ferver
2 cenouras raspadas
Sal e pimenta q.b.
Azeite q.b.

Num tacho coloca-se azeite a gosto, o arroz e tempera-se de sal e pimenta. Deixa-se fritar o arroz. quando este ficar branco opaco, coloca-se a cenoura raspada, envolve-se bem e coloca-se a água a ferver. Rectificam-se os temperos de sal e pimenta e tapa-se. Deixa-se cozer por 5 minutos, apagando-se de seguida o lume. Deixa-se descansar mais 15 minutos. Depois com um garfo, mexe-se de modo a que o arroz fique soltinho e a cenoura envolvida.
 
Serviu-se com salada.

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Filetes no Forno com Miolo de Camarão

Esta receita foi-me dada pela minha Amiga Susana Raposo que por sua vez foi-lhe dada pelo cunhado, não sei se está boa ou não porque eu não como marisco mas as opiniões de quem provou foram boas para além de que o aspecto ficou divinal!!!
 
Ingredientes
6 Filetes
2 cebolas cortadas finas
9 dentes de alho cortados finos
1 sopas de marisco
2 pacotes de natas
300 gr miolo de camarão
Azeite q.b.
Pão ralado q.b.
 
Num tabuleiro, faz-se uma cama com as cebolas e o alho e coloca-se os filetes em cima panados na sopa de marisco e polvilha-se com a restante sopa que restou. Coloca-se as natas, polvilha-se com o pão ralado e o camarão. Rega-se com um fio de azeite e leva-se ao forno a 180ºC por cerca de 30/40 minutos.
Servi com batatas cozidas e legumes salteados.

sábado, 9 de fevereiro de 2013

Giveaway

Vamos a ver se tenho alguma sorte... e ganhar o que o blog Hoje para jantar, tem para oferecer...

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Quesadilla de Carne Moída à Bolonhesa

Resto de carne moída à bolonhesa no frigorífico e umas tortilhas perdidas no armário e saiu uma quesadilla para o almoço...
 
Ingredientes
Carne moída à bolonhesa
2 tortilhas
Queijo ralado q.b.
 
Estende-se uma das tortilhas num prato, polvilha-se com queijo ralado, depois espalha-se a carne, torna-se a polvilhar com queijo e cobre-se com a outra tortilha.
Aquece-se uma frigideira e coloca-se a quesadilha, deixando tostar cerca de 3 minutos de cada lado até o queijo derreter um pouco.
Pode-se servir acompanhada com uma salada, ou uns legumes salteados ou sem acompanhamento.
Servi a minha com salada de pickes.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

A Cup of Tea and a Slice of Fold-Over Pear Torte

Mais um desafio da Dorie à Sexta... uma tarte/torta que quando comecei a fazer quase que fiquei com os cabelos em pé pois a massa ficou meia "peganhenta" mas depois disse: "Seja o que Deus quiser!!!" hehehe
A massa fica super crocante e o sabor de tudo... OMG!!!
 
Ingredientes
1 1/2 chávenas de farinha
2 colheres de sopa de açúcar
3/4 colher de chá de sal
150g de manteiga sem sal, fria, cortada em cubos pequenos
2 1/2 colheres de sopa de gordura vegetal fria, cortada em 2 pedaços
1/4 chávena de água gelada
Colocar a farinha, o açúcar e o sal num processador de alimentos com uma lâmina de metal e pulsar apenas para combinar os ingredientes. Adicionar a manteiga e a gordura; pulsar até que os pedaços estejam misturados com a farinha. Não mexer demais - nesta altura devemos ter pedaços irregulares do tamanho de ervilhas. Pulsar de forma intermitente, acrescentando, gradualmente, 3 colheres de sopa de água gelada para a massa. Continuar a adicionar a água, um pouco de cada vez, pulsando, até que a massa fique uniforme (é possível que se notem alguns pedaços maiores de manteiga).
Deitar a massa sobre uma superfície enfarinhada, ou entre dois discos de papel vegetal, para formar uma base do tamanho indicado; enrolar o disco em película aderente e levar ao frigorífico por 20 minutos.
Retirar a parte superior de papel ou filme e deitar sobre a forma para forrar. Remover o resto do papel ou película e, em seguida, premir suavemente a massa de pão dentro da tarteira, para ficar sem bolsas de ar. Em seguida, pressionar os lados da massa para cima, contra os lados da forma. A massa vai plissando e pode até quebrar. Sem stress: basta pressionar para voltar a juntar. Levar ao frigorífico.
Recheio
1/3 chávena de farinha
1/4 colher de chá de fermento em pó
1 pitada de sal
3 pêras grandes maduras, mas firme
1 esguicho de sumo de limão fresco
Raspas da casca de 1/2 limão
1/2 chávena de damascos finamente picados ou passas (usei sultanas douradas)
1/3 chávena de nozes picadas
2 ovos grandes
1/2 chávena de açúcar
1 colher de sopa de rum (usei rum)
2 colheres de chá de extracto de baunilha
1/2 colher de chá de extracto de amêndoa
25 g de manteiga sem sal, derretida e fria
1 chávena de natas gordas
Açúcar de confeiteiro para polvilhar
Misturar a farinha, o fermento e o sal numa tigela pequena. Reservar.
Descascar as pêras e retirar o caroço; em seguida, cortar em cubos. Colocar numa tigela média e misturar com o sumo de limão para evitar que oxidem. Misturar as raspas, os damascos (ou passas) e as nozes.
Numa batedeira equipada, se possível com uma pá, bater os ovos e o açúcar em velocidade média-alta até engrossar (cerca de 3 minutos). Reduzir a velocidade e adicionar o rum e os extratos. Em seguida, adicionar os ingredientes secos, misturando apenas até incorporar. Por último, adicionar a manteiga derretida, as natas, misturando apenas até que a massa fique homogénea.
Retirar a forma forrada do frigorífico. Distribuir os frutos pelo fundo e, em seguida, verter a massa até cobrir 3/4 da forma, uma vez que a mesma vai crescer.
Levar ao forno pré-aquecido 180º por 60-70 minutos, ou até dourar a crosta e uma faca inserida no creme saia limpa.
Verificar ao fim de 40 minutos: se estiver a queimar demais, cobrir com folha de alumínio.
Retirar do forno e deixar arrefecer completamente na forma sobre uma grade, antes de desenformar.
Servir polvilhada com açúcar confeiteiro.

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Massa Sovada no Forno

Metade de um bolo de massa sovada aos trambolhões no armário e uma sobremesa rápida e simples para o almoço e saiu esta receita... tipo pudim, tipo fatias douradas... só sei que ficou bom...
 
Ingredientes
1/2 bolo massa sovada cortada às fatias
3 pacotes de natas
4 ovos
3 c.s. mel
2 c.s. de Baileys
1 tablete de chocolate picada grosseiramente
1 mão cheia de avelãs tostadas e picadas grosseiramente
 
Numa tigela junta-se as natas, ovos, baileys e mel e bate-se um pouco para misturar.
Num pirex coloca-se uma camada de fatias de massa sovada. Polvilha-se com metade do chocolate picado, as avelãs e das natas.
Faz-se mais uma camada com a restante massa e torna-se a polvilhar com o chocolate, as avelãs e rega-se com as restantes natas. Deixa-se ensopar uns 10 minutos e depois leva-se ao forno, cerca de 180ºC por cerca de 30 minutos.

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Cheesecake de abóbora

Mais uma receita do "Os bolos da Julie"...


Massa
90 gr de bolachas digestivas, esmagadas
65 gr de avelãs, finamente picadas
55 gr de açúcar amarelo
50 gr de manteiga sem sal, derretida e fria
1 c.c. de canela

Recheio
360 gr de puré de abóbora, enlatado
3 ovos
2 ½ c.c. de canela
1 c.c. de noz-moscada
1 c.c. de gengibre em pó
¼ c.c. de cravinho em pó
½ c.c. sal
110 gr de açúcar amarelo
680 gr de queijo creme Philadelphia, à temperatura ambiente
100 gr de açúcar
2 c.s. de natas
1 c.s. de farinha maisena
1 c.c. de extracto de baunilha
1 c.s. de uísque bourbon

Cobertura
450 gr de crème fraîche
2 c.s. de açúcar
2 c.s. de uísque bourbon
1 c.c. de extracto de baunilha
Avelãs para decorar

Pré-aqueça o forno a 175ºC.
Unte uma forma de aro de 23 com de diâmetro.

Massa
Numa taça, misture as bolachas esmagadas, as avelãs, os açúcares e a canela. Adicione a manteiga e pressione a massa no fundo da forma e 2 cm na lateral.
Guarde no frigorífico durante 45 minutos.

Recheio
Na batedeira eléctrica, misture a abóbora, os ovos, as especiarias, o açúcar amarelo e o sal.
Numa outra taça, bata o queijo creme com o açúcar até obter uma consistência cremosa. Junte as natas, a farinha maisena, o extracto de baunilha e o bourbon. Adicione à mistura de abóbora e bata até ficar homogéneo.
Deite o recheio sobre a massa e leve ao forno, na prateleira do meio, durante 50 a 55 minutos, ou até que o centro comece a firmar.
Deixe arrefecer na forma, em cima da rede, durante 5 minutos. Mantenha o forno ligado.
 
Cobertura
Misture o créme fraîche, o açúcar, o bourbon e a baunilha. Deite por cima do cheesecake e leve ao forno durante 5 minutos.
Deixe arrefecer completamente dentro da forma, em cima de uma rede. Depois coloque no frigorífico, coberto com película aderente, pelo menos 24 horas.
Retire a lateral da forma e guarneça o cimo do cheesecake com as avelãs.